fbpx

TELEVENDAS: SP (11) 3855-7000 ou (11) 3352-7000 | OSASCO (11) 3966-7000 | SJC (12) 3928-7000 | SANTOS (13) 3040-7000 | SOROCABA (15) 3224-7000 | CAMPINAS (19) 3267-7000 | CURITIBA (41) 3778-7000 | JOINVILLE (47) 3419-7000

Os 10 maiores erros nas instalações elétricas

Nas complexas redes que impulsionam nossa vida moderna, as instalações elétricas desempenham um papel fundamental.

No entanto, por trás dessa aparente simplicidade, escondem-se uma série de desafios e potenciais erros que podem comprometer tanto a eficiência quanto a segurança.

Ao explorarmos esse universo de correntes e circuitos, convidamos você a descobrir os detalhes ocultos que podem estar presentes em muitas instalações e compreender por que conhecer esses erros é fundamental. Vamos lá?

 

1. Não ter projeto elétrico e não contratar profissionais qualificados

Um dos erros mais críticos em instalações elétricas é a ausência de um projeto elétrico adequado e a contratação de profissionais não qualificados. Isso pode resultar em:

  • dimensionamento incorreto dos fios e dispositivos;
  • distribuição de carga inadequada;
  • riscos de curtos-circuitos;
  • superaquecimento;
  • incêndios;
  • maior gasto com materiais na obra.

 

2. Não utilizar materiais de qualidade

Optar por materiais de baixa qualidade é um erro comum que compromete as instalações elétricas. Afinal, escolhas baseadas unicamente no preço muitas vezes resultam em fios desbitolados, disjuntores ineficientes e componentes não certificados. Além disso, há:

  • riscos de sobrecarga e curto-circuito;
  • redução no desempenho dos aparelhos;
  • superaquecimento.

 

3. “Gambiarras”

Recorrer a improvisos e “gambiarras” para resolver problemas elétricos é um erro crítico. Afinal, essas práticas comprometem a transmissão de corrente, a segurança e a eficiência dos equipamentos, gerando riscos e problemas diversos.

 

4. Conexões precárias

Conexões precárias representam um erro grave em instalações elétricas. Isso porque, ligações ruins resultam em mau contato, fuga de corrente e aquecimento excessivo. Assim, esses problemas podem levar a incêndios e choques elétricos.

 

5. Negligenciar o aterramento

Negligenciar o aterramento é um erro grave em instalações elétricas. Afinal, ele proporciona uma rota segura para descargas elétricas, evitando choques, protegendo dispositivos e prevenindo sobrecargas. Sendo assim, ignorar sua importância compromete a segurança e pode resultar em danos sérios e acidentes elétricos.

 

6. Não instalar o Dispositivo Residual (DR)

O DR é essencial para detectar correntes de fuga, protegendo contra choques elétricos e incêndios. Dessa forma, sua ausência compromete a segurança, especialmente em ambientes úmidos.

 

7. Aumentar a capacidade do disjuntor

Na tentativa de lidar com sobrecargas frequentes, muitas pessoas aumentam a capacidade do disjuntor. Porém, ao aumentar sua capacidade, riscos de superaquecimento, incêndio e danos a equipamentos aumentam — tudo isso sem resolver a causa subjacente da sobrecarga.

 

8. Não se atentar à posição e a potência das tomadas

É muito importante pensar em cada item elétrico que será usado em cada cômodo e especificar no projeto elétrico a posição e a potência das tomadas conforme as necessidades dos moradores. Isso pode ajudar a evitar acidentes com crianças e pets (posição) e sobrecarga no sistema (potência).

 

9. Sobrecarga

Usar um único disjuntor para múltiplos circuitos é um erro grave em instalações elétricas. Isso leva à sobrecarga, resultando em curtos-circuitos, danos a equipamentos e riscos de incêndio e choque.

 

10. Conexões fora das caixas elétricas

Conexões elétricas feitas fora das caixas de distribuição representam um perigo significativo. Afinal, a caixa protege fios e cabos de danos, evitando riscos de curtos-circuitos, incêndios, choques e defeitos.

 

Você gostou de aprender os principais erros nas instalações elétricas?

Sabia que a Andra pode te ajudar? Afinal, por lá você encontra tudo em materiais elétricos e iluminação — e você encontra mais de 50 mil itens à pronta entrega.

Para isso, você pode visitar uma de nossas lojas físicas ou comprar on-line. 

 

Compartilhe este conteúdo!